Google+ Followers

quinta-feira, 20 de junho de 2013


Pelos e penas

Maria J Fortuna


Descansei meu corpo cansado

Nas plumas do teu corpo

Pelos macios douraram meus sonhos

Penas suaves escreviam poesias

Foi uma viagem  sem fim

Foi uma saudade doida

Uma dor gostosa

Um paradoxo ensurdecedor!

2 comentários:

Élys disse...

Uma bonita poesia plena de sentimento.
Beijos.

Monica Puccinelli disse...

Tem tudo na sua poesia amiga, tem muito mais do que as palavras dizem, a viagem que se faz é tudo para renascer, obrigada, bjs, monica

Quem sou eu

Minha foto
Sou alguem preocupado em crescer.

Arquivo do blog

Páginas

Postagens populares