Google+ Followers

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

O amigo oculto






Maria J Fortuna

Andei por aí participando dos festejos de Natal e fim de ano em diversos grupos. No último deles, havia o que a gente pode chamar de nata de intelectuais. Ou em francês” crème de la crème” das ciências e letras. No meio daquela gente, havia vários exotéricos que se diziam esotéricos, com “s “, e no pequeno discurso, antes da abertura de cada um dos presentes, foram evocados os mestres mais modernos, ou seja, Krishnamurti, Rudolf Steiner, Yves Leloup, Pierre Weil e até Trigueirinho, que anda fazendo sucesso nesse meio. A mim coube a responsabilidade de entregar o presente ao mestre fundador do estabelecimento. Então me postei num canto, pensando no que eu diria para aquela douta platéia. E de repente fiquei com muita vergonha de Jesus. Afinal o aniversário é Dele, e se somos cristãos, seu nascimento seria importante para todos por causa de Sua Doutrina de amor e transformação. Por que ele não estava sendo citado? Mesmo para os que pertencem à outra tradição, agnósticos e ateus, que não O reconhecem como o Verbo que se tornou homem e habitou entre nós.
Senti como se tivesse dado uma festa em homenagem a minha mãe e ela, ao chegar à celebração, concluísse que tudo ali não passou de um pretexto para encontro com amigos em seu nome. E ninguém lhe desse atenção. Daí me veio a triste percepção de que, para muitos, Jesus está ultrapassado no terreno espiritual, como Freud na psicologia. Deu sua contribuição e pronto! Aparecem outros que dizem que, dentro da hierarquia dos Mestres, Cristo é apenas um degrau... Tem muito mais coisa por aí... Ando recebendo e-mails com charges indecorosas com a figura de Cristo. Penso: e se fosse Maomé? Vocês viram o que aconteceu com aquele chargista que foi mexer com a imagem do Mestre islamita?
Bem, por aí vai... Será que vou me acostumar com a idéia de que, nos festejos, Ele foi substituído pelo símbolo do consumo, Papai Noel? E que o Natal Dele, tornou-se apenas uma data de confraternização? Como separar uma coisa da outra quando se é cristão na alma, no coração?
- Procura sua turma! Falei para mim mesma. Aqui não rola Jesus de Nazareth...
Bem, eu disse àquela pessoa, tão especial e amada de todos, meu amigo oculto, que o mais oculto dos amigos devia estar por ali, festejando Seu Natal. Duas pessoas aplaudiram...


2 comentários:

Psicopictografia Sbee disse...

Mariinha, amiga muito querida, aqui vai meu aplauso, meu carinho profundo a vc e Nosso Grande Mestre Jesus.
Compadeça-os náo sabem o que dizem.
A nós a virtude de sermos disciplulas do Grande Amigo que em nosso coraçào nunca foi secreto.
Escrevo do Note Book da Neyde, sou sua amiga monica

neydearte disse...

Admiro muito a coerência e a clareza de suas palavras, para mim
verdadeira aula.
Parabéns.
Será um prazer receber outros trabalhos seus, abraços Neyde

Quem sou eu

Minha foto
Sou alguem preocupado em crescer.

Arquivo do blog

Páginas

Postagens populares